Saúde e Bem Estar

Camaquã atinge menor número de casos ativos de Covid-19 em dois meses

Último boletim epidemiológico apontou 53 casos ativos na cidade, menor número registrado em Camaquã desde o dia 13 de julho
21/09/2020 - 17h:34min - Fonte: Colaboração de Renata Ulguim

Nesta segunda-feira, 21 de setembro, a cidade de Camaquã atingiu o menor número de casos ativos de Covid-19 em dois meses. A informação foi confirmada pelo secretário municipal da Saúde, Fabiano Martins.

A última vez que a cidade permaneceu com número de casos ativos inferior à 53 foi no dia 13 de julho, quando o boletim diário apontou 51 casos ativos. A reportagem do Clic Camaquã conversou com o secretário sobre a diminuição de casos:

"Os dados levantados no mês de setembro demonstram que estamos com o menor número de pacientes isolados desde o dia 13 de julho, demonstrando que há uma redução sustentável no número de pacientes ativos. É primordial neste momento que as pessoas que apresentarem sintomatologias gripais, façam o isolamento social para que mantenhamos a curva epidemiológica de casos ativos em regressão", ressaltou Fabiano.

Outra boa notícia trazida pelo último boletim é a relação entre diagnósticos positivos e pacientes recuperados. São 1.096 confirmados e 1.026 recuperados. Confira o gráfico que demonstra a diminuição de casos ativos:

A imagem pode conter: texto que diz

No boletim também é possível observar a incidência de casos por bairros, mantendo-se o bairro Viegas com maior número de pessoas infectadas até o momento. O bairro possui 148 casos confirmados. Na sequência, os bairros com maior número de casos são:

Centro - 93 casos

Olaria - 86 casos

Santa Marta - 65 casos

Jardim do Forte - 62 casos

Vila Nova - 58 casos

Confira a relação por bairros:

Nenhuma descrição de foto disponível.

O boletim apontou 1.096 casos confirmados, 1.026 recuperados, 53 pacientes isolados, 17 internados e 19 óbitos relacionados à doença.

Além disso, Camaquã tem 94 pacientes com sintomas gripais sendo monitorados.

A imagem pode conter: texto que diz

Confira a lista de novos pacientes:

1. Mulher, 36 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
2. Homem, 36 anos - diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Moderados
3. Mulher, 43 anos - diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Moderados
4. Homem, 33 anos - diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Moderados
5. Mulher, 62 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
6. Homem, 54 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
7. Menina, 12 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Assintomática
8. Mulher, 58 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
9. Mulher, 38 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
10. Mulher, 68 anos – diagnóstico por Teste RT-PCR – Sintomas Moderados
11. Homem, 31 anos - diagnóstico por Teste RT-PCR – Sintomas Leves
12. Homem, 38 anos – diagnóstico por Teste Sorológico – Assintomático
13. Mulher, 40 anos - diagnóstico por Teste Sorológico – Sintomas Moderados
14. Mulher, 28 anos – diagnóstico por Teste RT-PCR – Assintomática
15. Mulher, 48 anos - diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Moderados
16. Mulher, 54 anos - diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
17. Mulher, 89 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
18. Mulher, 21 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
19. Menina, 11 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
20. Mulher, 59 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
21. Mulher, 51 anos – diagnóstico por Teste RT-PCR – Sintomas Moderados
22. Mulher, 29 anos – diagnóstico por Teste RT-PCR – Sintomas Moderados
23. Mulher, 20 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Assintomática
24. Mulher, 37 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
25. Mulher, 42 anos – diagnóstico por Teste RT-PCR – Sintomas Leves
26. Menino, 6 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Assintomático
27. Homem, 18 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
28. Mulher, 47 anos - diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Moderados
29. Mulher, 44 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
30. Mulher, 49 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves
31. Mulher, 28 anos – diagnóstico por Teste Rápido – Sintomas Leves

Segundo a Secretaria da Saúde, no gráfico de Casos Confirmados x Recuperados x Isolados, é razoável analisar a diminuição na diferença entre os casos confirmados e recuperados no mês de setembro, mostrando que houve aumento significativo de casos recuperados e consequentemente a diminuição dos paciente ativos que permanecem em isolamento domiciliar.

Confira a relação entre casos confirmados, recuperados e ativos:

A imagem pode conter: texto que diz

deixe seu comentário