Política

“Estamos quase fechando mais uma aliança com outro partido de Camaquã”, afirma Renato Nogueira, pré-candidato a vice-prefeito

Renato e o vereador Claiton Silva, falaram sobre a construção do projeto Novos Rumos para Camaquã; salientaram ainda que a principal ideia do projeto é a valorização de todos os partidos de Camaquã
09/08/2020 - 18h:13min - Fonte:

Neste sábado (08), o pré-candidato a vice-prefeito Renato Nogueira e o professor e vereador Claiton Silva, participaram do Controle Geral. Na oportunidade, os convidados, falaram sobre a construção do projeto Novos Rumos para Camaquã e da pré-candidatura da chapa Beto Grill como prefeito e Renato Nogueira como vice-prefeito de Camaquã.

Leia também: “Eu desafio que apontem um outro vice-governador que tenha feito por Camaquã pelo menos 10% do que eu fiz”, questiona Beto Grill

 O projeto Novos Rumos para Camaquã vem com a construção desde outubro de 2019 e foi consolidado em dezembro. “Nós não simplesmente unimos um grupo. Nós apresentamos uma proposta de crescimento, desenvolvimento de ajustes necessários para Camaquã e em cima dessa estrutura escolhemos os nomes que iam representar nosso projeto”, afirma Renato Nogueira.

Renato salientou que a principal ideia do projeto é a valorização de todos os partidos de Camaquã. “Muito mais que a questão partidária, tem as pessoas que fazem parte do partido”, menciona.

O pré-candidato enalteceu que mais um partido está prestes a fechar aliança com o Novos Rumos para Camaquã. “No cenário propriamente dito hoje, quem está mais aberto a esse tipo de conversa é para agregar é o PTB e vamos aguardar o retorno”, disse.

Em relação a campanha eleitoral, esse ano com a maior presença pelas redes sociais devido a pandemia da Covid-19, Claiton Silva ressaltou que é de um entendimento geral que a internet já é uma realidade para as pessoas. “Hoje a nossa forma de nos comunicarmos está diferente”, afirma. 

Renato Nogueira salientou que a chapa precisa fazer o estudo, que já foi proposto uma reforma inclusive pelo atual prefeito e não foi cumprida, é sobre a quantidade de Cargos de Confianças (CCs) no governo atual. “São quase 200 pessoas com cargo de confiança do prefeito”, disse e afirmou que não computou os cargos de diretores e vice-diretores de escola, que foram indicados pela Prefeitura. “São cerca de mais de 800 mil reais de custo mensal”, conta.

Assista a entrevista completa clicando aqui

deixe seu comentário