Saúde e Bem Estar

Estado confirma sexta morte por Covid-19 em Camaquã

Informação foi trazida pela Secretaria Estadual da Saúde na tarde desta quinta-feira (9)
09/07/2020 - 17h:10min - Fonte:

Durante a tarde desta quinta-feira (9), a Secretaria Estadual da Saúde confirmou a morte de mais um camaquense infectado pela Covid-19. Trata-se de um idoso de 75 anos que, segundo informações preliminares, estava internado em Porto Alegre.

O Rio Grande do Sul registrou hoje 1.015 novos casos da Covid-19. Foram confirmados mais 45 óbitos de pessoas com o coronavírus. Até o momento, são 36.434 casos confirmado e 870 óitos. O número estimado recuperados é de 30.240 (83% dos casos).

Na segunda-feira (6), a Prefeitura Municipal de Camaquã confirmou o quinto óbito por Covid-19. Segundo o secretário Fabiano, o paciente era paraplégico e faleceu logo após dar entrada no Hospital Nossa Senhora Aparecida. Ainda de acordo com ele, este é o quinto óbito registrado para Camaquã pelo Estado.

Assista a transmissão:

No dia 26 de junho, a Secretaria Estadual da Saúde (SES) confirmou a quarta morte por Covid-19 para Camaquã. A paciente de 67 anos estava internada no Hospital de Clínicas, em Porto Alegre, tratando outros problemas de saúde. Ela contraiu a Covid-19 no Hospital e em decorrência da doença, faleceu na tarde de quinta-feira (25), segundo o Governo Estadual.

Em live da Prefeitura de Camaquã, os representantes informaram o quarto óbitos e informaram novos casos que não haviam sido comunicados pela Secretaria Estadual da Saúde. Assista: 

No dia 18 de junho, a Secretaria Municipal da Saúde confirmou a terceira morte por Covid-19 contabilizada para Camaquã. Segundo o chefe da pasta, Fabiano Martins, dois homens, de 76 e 89 anos, faleceram após contrair o coronavírus.

O homem de 76 anos deu entrada no dia 14 de junho no Hospital Nossa Senhora Aparecida, de Camaquã, e faleceu no dia seguinte, dia 15 de junho. Após a testagem póstuma, foi constatada a causa da morte como morte por Covid-19.

Já na noite desta quarta-feira (17), o camaquense de 89 anos que estava internado em Rio Grande veio a óbito após complicação do seu quadro de saúde. O idoso de 89 anos estava internado em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Segundo familiares, o mesmo havia se recuperado da Covid-19 e faleceu em decorrência de um problema de saúde ao qual já realizava o tratamento previamente.

 Ainda sim, o Governo do Estado adotou o protocolo da Organização Mundial da Saúde e contabilizou o óbito como sendo decorrente da Covid-19.

A Prefeitura Municipal de Rio Grande confirmou o óbito durante seu último boletim epidemiológico. Com isso, a cidade de Camaquã chega ao terceiro óbito registrado oficialmente por Covid-19. 

O primeiro óbito registrado por Covid-19 em Camaquã tem sido motivo de polêmica desde então. Apesar do boletim do Estado ter contabilizado a morte sendo decorrente do Coronavírus, familiares afirmam que a morte não foi causada pela Covid-19 e sim por causa de um tumor cerebral.

Confira a entrevista completa:

deixe seu comentário