Mundo Animal

NOVIDADE: Clic Camaquã firma parceria para incentivar adoções junto à ARCA

Você tem espaço e precisa de um pet? Confira os cachorros de todas as raças e tamanhos disponíveis para adoção na ARCA
09/07/2020 - 16h:07min - Fonte:

A partir de agora, uma nova parceria entre o portal Clic Camaquã e a Associação Protetora aos Animais de Rua Camaquã (ARCA) traz uma novidade para nossos internautas. Através do portal e das nossas redes sociais, traremos fotos e vídeos dos cachorros que estão disponíveis para adoção na ARCA.

Nesta quinta-feira (9), a primeira publicação trouxe oito fotos com a descrição de cachorros dos mais variados tamanhos, cores e raças.

A ARCA disponibiliza conta e local para coleta de doações em Camaquã. Doações podem ser entregues no Brecho da ARCA, na rua General Zeca Neto, 1051 ou pela Conta 05791-0, Agência 0663 (Sicredi).

No dia 13 de março de 2020, a Associação Protetora dos Animais de Rua de Camaquã (ARCA) completa sete anos de atuação na região de Camaquã. Nascida no dia 13 de março de 2013, a ONG recebe mais de 3 mil animais por anos, dos quais passam por cuidados e boa parte deles recebe um novo lar.

É quase impossível encontrar uma pessoa que não goste de animais. Os bichinhos de estimação estão presentes na maioria das residências, dando carinho e fazendo companhia para as famílias que os adotam. Porém existem vários animais que são abandonados no município de Camaquã.  

Ivana de Paula, fundadora e voluntária da ARCA, falou sobre o problema que o abandono causa aos animais e para a comunidade de modo geral. De acordo com a voluntária, a maioria dos animais que estão abrigados na ARCA e no Canil Municipal foram em decorrência de abandono. 

Assista a reportagem exclusiva do Clic Camaquã com a repórter Sabrina Borges:

Em algumas ocasiões, cachorros e gatos de uma ninhada inteira foram abandonados juntos, em beiras de estradas ou em frente a terrenos de pouca movimentação. Os animais que são recolhidos em situação de abandono, são postos para adoção e os que pertencem a algum lugar, são tratados, castrados e devolvidos. 

Ivana comentou que quando os animais são recolhidos devido alguma denúncia de maus tratos, o dono do animal é indiciado, respondendo a um processo, sem poder adquirir nenhum animal pelo período de cinco anos. Ela explica que é muito importante que as pessoas tenham consciência na hora de adotar um bichinho.

“São bolinhas de pêlo lindas, mas uma hora crescem, arranham móveis, não cabem mais no apartamento”, comentou. De acordo com ela, existem vários critérios que precisam ser levados em conta antes de adotar, para que a ação não aconteça no impulso e gere o abandono depois.

Na ARCA e no Canil estão cerca de 600 animais abrigados. Todos eles estão disponíveis para adoção responsável. Se você tem uma casa que possua um terreno com espaço, pode disponibilizar uma alimentação adequada, possui tempo para se dedicar aos cuidados e principalmente tem amor para compartilhar, entre em contato com a ARCA, através do Facebook e agende uma visita. 

Outra forma de realizar as adoções é através das feirinhas, que são realizadas periodicamente no município. Ivana comentou que na última semana do mês de janeiro, vai ser realizada uma nova feirinha, onde os filhotes serão levados para um local, que ainda não foi definido, para que as pessoas possam conhecê-los e os adotar. 

deixe seu comentário

Últimas notícias

Publicidade