Economia

VÍDEO: Pagamento do IPTU em Camaquã é prorrogado

Informação foi trazida pela secretária Municipal da Fazenda, Jane Leite, durante coletiva de imprensa realizada na tarde desta quarta-feira (25)
25/03/2020 - 17h:20min - Fonte:

 Durante a tarde desta quarta-feira (25), a Prefeitura Municipal de Camaquã recebeu mais uma coletiva de imprensa para trazer atualização sobre a situação do Covid-19 na cidade. Uma das informações trazidas durante a coletiva foi a prorrogação do prazo de pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) em Camaquã.

A medida foi estipulada pelo Decreto nº 23.287, de 23 de março de 2020, que visa combater o avanço do Coronavírus em Camaquã. No Gabinete da Prefeitura, o jornalista Eduardo Costa conversou com a secretária, que trouxe detalhes sobre a medida:

 O Governo Municipal prorrogou o vencimento tanto da cota única quanto da primeira parcela do IPTU, a qual seria em 8 de abril, para até 30 de abril. Conforme a necessidade devido à pandemia, a prorrogação poderá se estender.

 

Sanitização

A Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Camaquã divulgou que ao final da tarde desta quarta-feira (25), a Prefeitura Municipal de Camaquã, em parceria com uma empresa camaquense, irá começar os trabalhos de sanitização em pontos estratégicos da cidade, para desta forma evitar o contágio pelo Covid-19 no município.

Segundo a assessoria, estes trabalhos estarão sendo realizado ao redor da Praça Donário Lopes, como também nos arredores do Hospital Nossa Senhora Aparecida e da UPA 24 horas. A substância que será utilizada é o amônia quaternária, o qual é seguro para a população, sendo totalmente regulamentada pelo Ministério da Saúde.

A sanitização será realizada pelo corpo técnico especializado da empresa Real Expurgo. Se trata de um processo de sanitização, na qual, ocorre a higienização e eliminação de agentes patógenos, que diferentemente da Dedetização, tem o intuito da eliminação de insetos-pragas, etc. Visando o bem-estar da população, vai ser utilizado um produto a base de Amônia Quaternária, que foi utilizado em países como à China, por ter ótimos resultados.

"Vale ressaltar, que essa é a nossa ajuda a população camaquense, onde o serviço realizado será realizado de forma gratuita", disse Mikael Menin, representante da empresa.

 

Primeiro caso

O prefeito Ivo de Lima Ferreira anunciou após a coletiva de imprensa, realizada na tarde desta terça-feira (24), o primeiro caso confirmado de Coronavírus. Segundo ele, a paciente é uma mulher de 58 anos. Durante a coletiva, a Prefeitura não tinha ainda nenhuma confirmação do Coronavírus, em Camaquã. Já no final da coletiva, o secretário da saúde, Luciano Pereira Dias, recebeu uma mensagem da secretária estadual da saúde, Arita Bergmann.

Não foi repassada mais nenhuma informação sobre a paciente, com o objetivo de preservar a identificação da mulher. O prefeito destacou que todos os cuidados necessários já estão sendo realizados e a paciente está isolada.

Durante a coletiva, mais dois casos foram descartados, em Camaquã. Ao todo, nove casos foram descartados e sete seguem em análise no Laboratório Central do Estado do Rio Grande do Sul (Lacen/RS). Segundo o secretário da saúde, Luciano Pereira Dias, ao todo são 62 casos que seguem em monitoramento, em Camaquã.

 

Casos descartados e monitorados

Mais uma coletiva de imprensa foi realizada no Gabinete do prefeito Municipal Ivo de Lima Ferreira. O momento aconteceu na tarde desta terça-feira (24), onde o prefeito Municipal de Camaquã, Ivo de Lima Ferreira, acompanhado do secretário da Saúde, Luciano Pereira Dias realizou a divulgação dos resultados dos demais testes de Coronavírus, em Camaquã.

Segundo o Secretário, cerca de 62 pessoas estão em quarentena na cidade. Estas, apresentam sintomas sem estar no grupo de risco e sem que os mesmos apresentem agravamento. Elas estão em reclusão domiciliar e seguem sendo monitoradas pela Secretaria da Saúde. Caso ocorra o agravamento de qualquer um dos quadros, as mesmas podem passar por teste ou até mesmo serem internadas.

A coletiva trouxe também mais detalhes e esclarecimentos de dúvidas sobre o decreto que impôs o fechamento de comércio, além de novidades na campanha da vacinação que iniciou na segunda-feira (23). A coletiva iniciou com uma boa notícia: mais duas suspeitas de Coronavírus em Camaquã foram descartadas. Agora, são nove casos descartados e sete que seguem em análise no Laboratório Central do Estado (Lacen/RS).

Durante a coletiva, o secretário e o prefeito ainda anunciaram diversas medidas que devem tornar mais rígido o Decreto Municipal de medidas contra o Covid-19. Uma delas é a restrição de horário para idosos nos supermercados de Camaquã. Além disso, eles reforçaram que atividades esportivas coletivas estão proibidas. 

 

União e Prevenção

 Nos últimos dias, o principal assunto na cidade de Camaquã tem sido, infelizmente, o Coronavírus. A epidemia do vírus Covid-19 modificou a rotina dos camaquenses de forma drástica, principalmente a partir do decreto que fechou o comércio local, limitando a abertura apenas dos serviços básicos da comunidade. Desde então, as redes sociais tem sido tomadas por discussões sobre o assunto e diversos pontos preocupantes tem sido abordados.

Um deles, no entanto, não tem recebido a devida atenção: a prevenção. Para que toda a comunidade consiga passar por esta pandemia, é importante que sejam disseminadas informações sobre o que fazer e como se prevenir desta doença. Com isso em mente, trazemos uma reportagem completa com o decreto, o que fazer ao apresentar sintomas e todas as orientações repassadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), além do Ministério da Saúde e da Secretaria da Saúde Estadual.

Durante a manhã deste sábado (21), o programa Controle Geral trouxe entrevista exclusiva com Luciano Pereira Dias, secretário municipal da Saúde e o doutor Tiago Bonilha, diretor técnico do Hospital Nossa Senhora Aparecida de Camaquã. Juntos, eles tiraram diversas dúvidas enviadas pelos internautas durante a transmissão e falaram sobre os principais métodos de prevenção indicados.

Além disso, os profissionais ainda destacaram os procedimentos indicados para as suspeitas de Coronavírus em Camaquã. É esperado um aumento no número de suspeitas e a confirmação de casos em Camaquã. Ainda sim, os camaquenses devem seguir todos os passos indicados para que, desta forma, os danos sejam minimizados o máximo possível.

Confira a entrevista completa a partir de 1h de transmissão:

 

Principais notícias sobre o Coronavírus em Camaquã 

Idosos terão restrição de horário para circular em supermercados de Camaquã: https://bit.ly/3bknLMj

Câmara irá disponibilizar R$4,3 milhões ao Hospital de Camaquã: https://bit.ly/2UADxf5

Novo decreto restringe horário de supermercados e restaurantes de Camaquã: https://bit.ly/2UhAolM

Estacionamento Rotativo está suspenso a partir desta segunda: https://bit.ly/3drgOuW

Para evitar aglomerações, camaquenses podem comprar no Roxo pelo WhatsApp: https://bit.ly/3b8PNKG

Coleta Seletiva reduz rotas durante o período de quarentena: https://bit.ly/2WxN3Ct

Agência do SINE/FGTAS limita atendimentos em Camaquã: http://bit.ly/33BCsrF

Hospital e Prefeitura assinam documento de intenção para implantar UTI de combate ao Coronavírus em Camaquã: http://bit.ly/3dcMEv0

Cartório Eleitoral de Camaquã tem atendimento suspenso até o final de março: http://bit.ly/3dck5hf

Farmácias de manipulação agora podem vender álcool gel: http://bit.ly/2x2bkWB

Camaquenses devem denunciar aumento abusivo do álcool gel: http://bit.ly/2IUakX5

Camaquã tem emissão de documentos suspensa pelos próximos 15 dias: http://bit.ly/33raqz0

OMS não recomenda usar ibuprofeno para tratar Covid-19: http://bit.ly/2UccoPC

Hospital de Camaquã suspende visitas hospitalares: http://bit.ly/3a1FGaf

deixe seu comentário