Boca no Trombone

ClicTV: Morador relata infestação de ratos no bairro Jardim

Beto Machado reclamou de um terreno abandonado na rua São Lourenço, que vem trazendo transtornos para os residentes das região
17/02/2020 - 10h:08min - Fonte: Sabrina Borges

A redação do Clic Camaquã recebeu mais uma reclamação para a editoria Boca no Trombone. Desta vez o morador do bairro Jardim, Beto Machado, falou sobre os problemas que um terreno abandonado causa aos moradores da rua São Lourenço, próximo ao número 40. 

Leia também: 7ª Feira de Beleza e Atitude Senac terá workshops com profissionais de Camaquã

Beto contou que o terreno abriga um galpão, onde funcionava uma reciclagem de lixo. Depois que a reciclagem fechou o terreno ficou abandonado, segundo o morador. Ele falou que a vegetação cresce livre, sem nenhum tipo de limpeza no local. 

O mato alto faz com que animais se abrigem no lugar e passem para os terrenos próximos. Beto comentou que existem muitos mosquitos e aranhas no terreno. Mas estes não são os piores “moradores” do terreno abandonado. Segundo Beto, os ratos “tomam conta do local”. 

O morador comentou que precisa colocar veneno para rato frequentemente em sua residência, o que provoca a morte dos animais em cima do forro  da casa. Ele expôs o desconforto em ter que usar os raticidas e depois precisar lidar com o mau cheiro que a ação provoca. “Precisamos usar incenso diariamente para lidar com cheiro”, informou.

Beto comentou que dá para ver a vegetação crescendo também na frente do galpão, onde a calçada já está sendo “tomada pelo mato”, segundo ele. Tentamos entrar em contato com os supostos donos do local, mas não obtivemos sucesso. 

Faça como o Beto Machado, envie um vídeo mostrando e comentando os problemas da sua rua, vamos tentar resolver juntos os problemas da cidade. Você pode entrar em contato através da página no Facebook, pelo nosso e-mail, WhatsApp (51) 9 9200.4902 ou nos ligar pelo número 3692 2282. 

A editoria Boca No Trombone tem o patrocínio da Lê Artes Artesanatos e do Rocha Car Veículos.

deixe seu comentário