Educação e Cultura

Secretaria de Educação participa de seminário com apoio da Unesco em Porto Alegre

O evento foi o lançamento do projeto Círculos em Movimento: construindo comunidades escolares restaurativas.
21/10/2019 - 13h:54min - Fonte: Imprensa - SME
Anterior Próximo

A Secretaria Municipal de Educação de Camaquã participou, nos dias 14 e 15 de outubro, do seminário "Círculos em Movimento: Construindo Comunidades Escolares Restaurativas – Edição Porto Alegre". O evento ocorreu no auditório do Ministério Público Estadual e foi promovido pela Escola da AJURIS e o Instituto Terre des hommes Brasil, com o apoio da Unesco/Criança Esperança e SESI, através do Projeto Edulivre.

A iniciativa tem o propósito de apoiar a difusão da Justiça Restaurativa e dos Círculos de Construção de Paz, especialmente como estratégia de proteção e cuidado com crianças e jovens. A proposta busca colocar ao alcance das comunidades escolares os ensinamentos das professoras Kay Pranis e Carolyn Boyes-Watson, palestrantes do evento e duas das maiores referências internacionais na matéria e autoras do Manual Círculos em Movimento – Construindo Comunidades Escolares Restaurativas, o qual inspirou e é base para este projeto.

Esta proposta e metodologia de ensino visa alcançar todos os alunos sem distinção alguma, inclusive das camadas menos favorecidas e de menor acesso a possibilidades de mudança de vida, num trabalho em conjunto entre educação e justiça. Estas áreas atuarão com um novo olhar sobre os conflitos e problemas, dessa vez investindo e focando no ser humano, enxergando-o como nosso semelhante, vendo toda sua base e contexto familiar, sendo a escola um apoio e auxílio para que esse possa superar suas dificuldades e mazelas e tornar-se um indivíduo melhor para a sociedade.

Carina-representante-da-SME-ao-centro

Durante o seminário foi celebrada a união dos estados do Ceará, Amapá e Rio Grande do Sul, para o lançamento do projeto Círculos em Movimento, além da apresentação da sua plataforma. A mesma permitiu aos participantes um contato direto com a essência dos ensinamentos restaurativos e dos processos circulares, orientados à sua aplicação na rotina escolar.

O evento teve a participação do governador do estado, Eduardo Leite, que assinou o Termo de Responsabilidade do Protocolo Por uma Política de Estado de Justiça Restaurativa e Construção de Paz.

A formação teve participantes de todo o país, porém o foco foi o RS pela parceria e termo de responsabilidade em trabalhar a escola para paz. Em nível de Rede Municipal, Camaquã foi o único município presente. A Rede Municipal de Ensino vem agregando essa proposta pelo reconhecimento que a secretária, Eva Rosi Bueno Nunes, tem por iniciativas como esta. A SME investe nesta área, visto que as demandas que as escolas vêm enfrentando com conflitos que os alunos trazem para dentro do ambiente escolar aumentam.

A secretaria foi representada pela assessora de gabinete, Carina Rosa, que é integrante da Comissão Interna de Prevenção a Acidentes e Violência Escolar (CIPAVE) municipal e irá disseminar esses conhecimentos com seus colegas para atender a nossa Rede nestas necessidades. 

deixe seu comentário