ClicRádio

2.670 famílias recebem Bolsa Família em Camaquã

Lisiane Kuck, do Cadastro Único, falou sobre os programas sociais nesta terça-feira (12), na ClicRádio
12/02/2019 - 14h:54min - Fonte:

Segundo Lisiane Kuck, do Cadastro Único, 2.670 famílias recebem benefício Bolsa Família em Camaquã. Em entrevista exclusiva ao Bom Dia Camaquã, na ClicRádio, nesta terça-feira (12), ela explicou como funcionam os programas sociais e quem tem direito ao benefício.

CADASTRO ÚNICO PARA PROGRAMAS SOCIAIS DO GOVERNO FEDERAL

O que é o Cadastro Único?

  • É um mapa representativo das famílias mais pobres e vulneráveis do Brasil, e que sua inclusão seja para participar das políticas públicas oferecidas pelo governo nas três esferas.
  • É um instrumento de identificação e caracterização socioeconômica das famílias brasileiras de baixa renda:

ü  Renda mensal igual ou inferior a ½ salário mínimo per capita ou

ü  Renda familiar mensal de até três salários mínimos.

             Famílias com renda superior às indicadas acima, desde que sua inclusão esteja vinculada a seleção ou acompanhamento de programas sociais também podem estar inseridas no cadastro.

Quais Programas Sociais utilizam o Cadastro Único?

ü  Programa Bolsa Família

ü  Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti)

ü  Tarifa Social de Energia Elétrica- TSEE

ü  Aposentadoria para pessoa de baixa renda

ü  Carteira do Idoso

ü  ID Jovem

ü  Programas Habitacionais do Ministério das Cidades

ü  Isenção de pagamento de taxa de inscrição para concursos públicos e ENEN.

ü  Cadastramento Benefício de Prestação Continuada ( BPC)

ü  Outros na esfera municipal e estadual.

 

Ações de atualização cadastral: Auditorias e Revisão

Periodicamente a Senarc realiza verificações nas informações declaradas pelas famílias no Cadastro Único.

 Estas verificações são efetuadas por meio do cruzamento dos dados das famílias do Cadastro Único com informações contidas em outras bases de dados e registros administrativos.

IMPORTANTE: Sempre que houver indícios de inconsistências cadastrais, deve-se comunicar os órgãos competentes.

 

TIPOS DE DENUNCIAS

Podem enviar denúncias sobre indícios de irregularidades:

ü   beneficiários;

ü   cidadãos em geral;

ü   entidades da sociedade civil; e

ü   órgãos ou instituições públicas, inclusive os de controle social.

As denúncias podem ser enviadas à gestão local do Cadastro Único e do Programa Bolsa Família, ou diretamente à Ouvidoria do MDS, por formulário eletrônico, telefone ou carta.

ATENÇÃO: É muito que no momento da denuncia ter o maior números de dados possíveis, para que a família seja localizada: tipo nome completo, endereço e o motivo da irregularidade.

Onde denunciar?

Ouvidoria do MDS

POR TELEFONE

Tel. : 0800 707 2003 ( de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h).

POR FORMULÁRIO ELETRÔNICO

http://mds.gov.br/fale-com-o-mds

Serviço de Informações ao Cidadão

POR CARTA

Ministério do Desenvolvimento Social (MDS)

Esplanada dos Ministérios- Bloco C- 9º andar- salas 936 e 940

CEP: 70046-900 – Brasília/DF

SETOR DO CADASTRO ÚNICO

Rua João de Oliveira, 55 – Centro- Camaquã/RS

TEL.: 36713920

 

Município: CAMAQUÃ / RS

RESUMO (Gerado em 23/12/2018)

População (CENSO 2010): 62.764 habitantes

Porte do município: médio

Famílias inseridas no Cadastro Único: 6.005 famílias

Famílias beneficiárias do PBF: 2.670 famílias

% da população beneficiada pelo PBF: 10,16% aproximadamente

Cobertura do programa: 66,62%

Valor transferido no mês de dezembro de 2018 aos beneficiários: R$ 433.746,00

Valor médio do beneficio: R$ 162,45 por família

 

Veja a entrevista completa:

deixe seu comentário