Últimas Notícias

#RSpagueHNSA: Funcionários do hospital de Camaquã estão sem receber salários

O motivo é o não pagamento dos repasses do Governo do RS que totalizam R$ 3.111 milhões
08/11/2018 - 16h:10min - Fonte:

Os cerca de 420 funcionários do Hospital Nossa Senhora Aparecida de Camaquã (HNSA) ainda não receberam os salários referente ao mês de outubro, que deveria ser pago nesta quarta-feira (7). O motivo é a falta de repasses do Governo do Estado do Rio Grande do Sul à fundação que administra a instituição de saúde.

A reportagem do Clic Camaquã teve acesso com exclusividade aos números do prejuízo causado ao hospital local. Somando os valores referentes aos incentivos estaduais aos serviços de média e alta complexidade (urgência e emergência) de agosto e setembro totalizam mais de R$ 3.111 milhões sendo que se aproxima o vencimento dos repasses referentes ao mês de outubro de 2018, totalizando mais R$ 2.114 milhões.

O valor total da folha de pagamento do hospital corresponde a mais de R$ 800 mil, que deixam de circular na economia local. Além dos colaboradores, fornecedores também estão sendo atingidos pelo não pagamento dos repasses do Governo do Estado. Alguns prestadores de serviços, como os médicos, estão sem receber desde agosto deste ano.

Nesta sexta-feira (9), a direção do HNSA participa em Porto Alegre de uma assembleia extraordinária na Federação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos do RS, que possui mais de 260 instituições de saúde filiadas, com o objetivo de pressionar o pagamento dos valores devidos, um problema de outros hospitais do RS.

Como forma de protesto, os funcionários do hospital local estão publicando nas redes sociais a hashtag #RSpagueHNSA, pedindo que o Estado pague os repasses ao Hospital Nossa Senhora Aparecida. Um grupo com o mesmo nome foi criado no facebook por simpatizantes da causa e já possui mais de 70 participantes até o fechamento desta matéria. Confira o grupo no facebook: https://www.facebook.com/groups/336193990502602/ 

deixe seu comentário