Colunistas
Eduardo Costa - Cotidiano
Por Eduardo Costa - Cotidiano
Jornalista - Diretor do Portal Clic Camaquã e da Clic Rádio

Clic: 7 anos de respeito com o leitor, ouvinte e espectador

Publicado: 17/02/2021 às 16:00 | Fonte: Eduardo Costa - Colunista

Parece que foi ontem que comecei a me aventurar no mundo do empreendedorismo. Foi nas madrugadas frias dos plantões da RBS TV que comecei a planejar a minha tão sonhada empresa de comunicação. Era pra ser um jornal impresso, mas com a força das novas tecnologias, optei sabiamente pelo portal de notícias.

Muitas pessoas até hoje me perguntam porque abandonei a carreira na televisão e a minha resposta é sempre a mesma. “Muita fama e pouca grana”. Infelizmente é uma realidade não só da profissão de jornalista, mas de muitas carreiras. Mas não foi isso que fez eu largar a minha promissora carreira em frente às câmeras. Foi o meu desejo em ser empreendedor.

Lembro como se fosse hoje, a elaboração do site, a criação do logotipo, das editorias, do conteúdo que iriamos levar aos camaquenses espalhados pelo mundo. Foram meses de trocas de ideias até chegar o grande dia da estreia. 17 de fevereiro de 2014, o Clic entrou no ar com uma vontade imensa de ser o grande veículo de comunicação da região.

De lá para cá, muitas dificuldades enfrentamos. Muitos questionamentos, muitas dúvidas. No começo, eram poucos os anunciantes que acreditavam no projeto. Todos os recursos de publicidade das empresas eram voltados aos velhos impressos e rádios AM e FM. Tivemos que ensinar as pessoas a trocarem as páginas físicas dos jornais semanais pelas páginas digitais diárias e instantâneas do Clic. E com a chegada da Clic Rádio, oferecemos as pessoas conteúdo com imparcialidade e agilidade através da nossa web rádio.

Fomos chamados de loucos. Com a chegada do Prêmio Prime na cidade, ouvi muito que não ia dar certo. Do jantar servido a francesa, pioneiro, eu ouvia sempre que o povo camaquense gostava de encher a barriga em um buffet. Só que não. Inovamos e fizemos o público requintado de Camaquã substituir os velhos guardanapos coloridos usados na chamada do jantar pelo sofisticado empratado coberto por cloches de inox servido exclusivamente nas mesas pelos mais de 30 garçons. Foi o primeiro evento do segmento a contar na recepção com brinde com espumante ao som de violinos. O primeiro a trabalhar com pontualidade. O primeiro a trabalhar com painel de led na divulgação das marcas. Tudo baseado no respeito a opinião pública.

Promovemos o Mega Feirão de Veículos onde apenas em 2018 foram mais de R$ 1,5 milhão em vendas. Lançamos em 2019 a Clic House – A casa do Clic na ExpoCamaquã e nos tornamos o único veículo de comunicação a possuir uma sede própria dentro do parque do Sindicato Rural de Camaquã. Um espaço que movimentou a maior feira do agronegócio da região. Foram diversas ações como Miss Praia de Arambaré, Carnaval, datas comemorativas que auxiliaram no movimento do comércio local e regional.

Na área da política, o Clic foi a única empresa a contar com todos os candidatos em seu primeiro debate das eleições em 2020. Foi um show de cobertura. E aos poucos o Clic foi e vai criando corpo e respeito pela forma que aborda os conteúdos de interesse local. Sempre com respeito ao nosso leitor, ouvinte e espectador.

Nesses sete anos do Clic, quero mais uma vez, agradecer a todas as pessoas que já passaram pela nossa empresa e principalmente as que permanecem trabalhando pelo crescimento de uma imprensa séria, ética e responsável. Obrigado a todos e rumo aos próximos sete anos.