Boca no Trombone

Internautas relatam alagamentos em vários bairros de Camaquã

Uma enxurrada de reclamações chegou nesta segunda-feira à redação do Clic Camaquã
Por: Celiomar Garcia | Publicado: 13/09/2021 às 15:13 | Alterado: 20/09/2021 às 20:49
Rua Pedras Brancas, no bairro Viegas/Foto: Internauta/Clic Camaquã
Rua Pedras Brancas, no bairro Viegas/Foto: Internauta/Clic Camaquã
Rua Alegrete, beco João Pinto, no bairro Maria da Graça/Foto: Internauta/Clic Camaquã
Rua Alegrete, beco João Pinto, no bairro Maria da Graça/Foto: Internauta/Clic Camaquã
Rua Josino de Lacerda, no bairro São Luiz/Fotos: Internauta/Clic Camaquã
Rua Josino de Lacerda, no bairro São Luiz/Fotos: Internauta/Clic Camaquã
Rua Breno Veiga Vielitz, no bairro Cohab/Foto: Internauta/Clic
Rua Breno Veiga Vielitz, no bairro Cohab/Foto: Internauta/Clic
Rua Livramento, no bairro Viegas/Foto: Internauta/Clic
Rua Livramento, no bairro Viegas/Foto: Internauta/Clic
Rua Vitoriano José Centeno, no bairro Carvalho Bastos/Foto: Internauta/Clic Camaquã
Rua Vitoriano José Centeno, no bairro Carvalho Bastos/Foto: Internauta/Clic Camaquã
Rua Hugo Birk, no bairro Dona Tereza/Foto: Internauta/Clic Camaquã
Rua Hugo Birk, no bairro Dona Tereza/Foto: Internauta/Clic Camaquã
Rua México, no bairro Oliveira/Foto: Internauta/Clic Camaquã
Rua México, no bairro Oliveira/Foto: Internauta/Clic Camaquã

Nesta segunda-feira (13), a redação do Clic Camaquã, recebeu uma enxurrada de reclamações sobre alagamentos em diversas ruas de Camaquã. Os internautas relataram que a cada chuva, as ruas ficam intransitáveis, com as águas invadindo seus pátios e casas.

> Concorra a um rancho do Macro Atacado Krolow <

Bairro Viegas

Uma internauta contatou a redação do Clic Camaquã, solicitando providências para solução dos constantes alagamentos na rua Livramento, número 473, bairro Viegas. Segundo ela, o pátio da residência de seu pai fica completamente alagado, em virtude das bocas de lobo não suportarem o escoamento das águas. Ela disse também, que seu pai procurou ajuda em vereadores e prefeitura, mas ninguém solucionou o problema até o momento.

Já na rua Pedras Brancas, bairro Viegas, próxima a UPA, o internauta relatou que na semana passada, funcionários da prefeitura estiveram no local realizando as devidas arrumações, mas segundo ele, parece que de nada adiantou, pois, o alagamento segue o mesmo.

Bairro Maria da Graça

A redação do Clic Camaquã também recebeu registro de um internauta sobre o alagamento na rua Alegrete, beco João Pinto, no bairro Maria da Graça, em frente ao Posto de Saúde. Na semana passada, outro morador havia solicitado ajuda, pois, conforme ele relatou, em dias de chuvas, não conseguem sair de suas casas.

Bairro São Luiz

Do bairro São Luiz, chegou a redação do Clic Camaquã, a indignação de uma internauta, pois segundo ela, é um verdadeiro horror cada vez que chove. São ruas alagadas, canos entupidos e a entrada de acesso ao bairro pela E-RS 350, sequer possui canos no valo lateral e a água já está invadindo a rua e residências.

Bairro Cohab

O bairro Cohab também enfrenta problemas com alagamentos. Uma internauta entrou em contato com nossa reportagem, relatando que a rua Breno Veiga Vielitz, fica completamente alagada sempre que chove e que sua mãe e seu sobrinho encontram dificuldades para saírem de casa.

Bairro Carvalho Bastos

Do bairro Carvalho Bastos, a redação do Clic Camaquã recebeu o pedido de socorro de uma internauta, pois segundo relatos dela, em frente à sua casa, na rua Vitoriano José Centeno, 847, os alagamentos causam dificuldades em sua rotina. Ela é mãe de uma menina cadeirante, que precisa ir até a APAE e esses constantes alagamentos, deixam a situação muito complicada.

Bairro Dona Tereza

Um internauta também enviou para redação do Clic Camaquã, registros de alagamentos na rua Hugo Birk, no bairro Dona Tereza. Moradores do local passam dificuldades para deixarem suas residências em dias de chuva.

Bairro Oliveira

A redação do Clic Camaquã recebeu o registro enviado por um morador da rua México, no bairro Oliveira, relatando também alagamentos em sua rua e por consequência no pátio de sua residência. 

> Inscreva-se no canal do Clic no YouTube <

  • Você pode entrar em contato por qualquer uma das redes sociais ou pelos números 3671-2282 (fixo) e 99200-4902 (WhatsApp).
  • A editoria Boca no Trombone existe desde 2017 e tem mais de 500 reportagens disponíveis no site do Clic Camaquã e no Facebook. 
  • As reportagens em áudio, texto, foto e vídeos são veiculadas pelo portal Clic Camaquã e reproduzidas nos programas da ClicRádio.
  • Presenciou alguma situação parecida no seu bairro? Envie para nós através das mensagens no Facebook, atráves do nosso WhatsApp (51) 9 9200.4902 ou através do e-mail [email protected]
deixe seu comentário