Boca no Trombone

Internauta solicita atenção da Prefeitura para os problemas do Bairro Jardim do Forte, em Camaquã

Ele relatou falta de iluminação pública, bueiros a céu aberto e ruas em péssimo estado
Por: Celiomar Garcia | Publicado: 20/09/2021 às 08:31 | Alterado: 26/09/2021 às 14:30
Foto: Internauta/Clic Camaquã
Foto: Internauta/Clic Camaquã
Foto: Internauta/Clic Camaquã
Foto: Internauta/Clic Camaquã

No final de semana, um internauta entrou em contato com a redação do Clic Camaquã, solicitando que os órgãos competentes do município resolvam os problemas que o bairro Jardim do Forte, em Camaquã, vêm enfrentando. Segundo ela, as ruas Walter Kess e Nelson Ricardo, estão sem iluminação pública há cerca de 5 meses.

>Concorra a um rancho do Macro Atacado Krolow<

Ele também disse que alguns bueiros estão sem a tampa de proteção e que principalmente a rua Walter Kess necessita de um trabalho além do tradicional patrolamento, pois parece que a chuva persegue o bairro, porque conforme ele mesmo relatou, após a amarelinha realizar o serviço, geralmente chega a chuva e o local fica intransitável. 

>Inscreva-se no canal do Clic no YouTube

Ele também destacou que os profissionais da prefeitura já estiveram diversas vezes no local, mas que até o momento, não executaram um serviço que possa extinguir de vez estes problemas. Ele finalizou mostrando preocupação com a proximidade da chegada do verão, pois os bueiros a céu aberto, provocarão o aumento do mau cheiro e do número de insetos no local. 

  • Você pode entrar em contato por qualquer uma das redes sociais ou pelos números 3671-2282 (fixo) e 99200-4902 (WhatsApp).
  • A editoria Boca no Trombone existe desde 2017 e tem mais de 500 reportagens disponíveis no site do Clic Camaquã e no Facebook. 
  • As reportagens em áudio, texto, foto e vídeos são veiculadas pelo portal Clic Camaquã e reproduzidas nos programas da ClicRádio.
  • Presenciou alguma situação parecida no seu bairro? Envie para nós através das mensagens no Facebook, atráves do nosso WhatsApp (51) 9 9200.4902 ou através do e-mail [email protected]
deixe seu comentário